Mostrando postagens com marcador Ana Flávia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Ana Flávia. Mostrar todas as postagens

sábado, 24 de junho de 2017

Poema | Rabisco | Livre*

2017
...
JUN17 *Livre de formatos e algemas estilísticas, mais um rabisco de Ana Flávia, a Colecionadora de Vontades. 
FONTE: Blog Chão de Sonhos, TRATO: Evaldo Brasil.

domingo, 18 de junho de 2017

Poema | Rabisco | Livre

2017
...
JUN17 Poema livre em torno da persistência do ser e da vida.
AUTORA: Ana Flávia. FONTE: Blog Chão de Sonhos. TRATO: Evaldo Brasil.

quinta-feira, 30 de março de 2017

Texto | Rabisco | Prosa

2017
27MAR Reflexão em prosa poética sobre a finitude humana. AUTORA: Ana Flávia. TRATO: Evaldo Brasil.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Poema | Amor sem liberdade, ruína | Livre

2017
FEV17 Ana Flávia, rompendo seus limites na escrita. 
AUTORA: Ana Flávia. FONTE: Chão de Sonhos.
TRATO: Evaldo Brasil.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

sábado, 24 de dezembro de 2016

Poema | Rabisco | RAFF*

2016
24DEZ16 *Rabisco de Ana Flávia publicado no facebook. FONTE: Perfil no facebook. TRATO: Evaldo Brasil.


quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Prosa | Diário de pequenas sensações | PPAF

2016
NOV16 Selecionado das postagens do microblog Chão de Sonhos, retomamos a postagem de textos, neste caso, uma *prosa poética. AUTORIA: Ana Flávia. TRATO: Evaldo Brasil.

Poema | C49-220 De frente pra trás e de trás pra frente | Cordel

2021........................................ (Uma tragédia anunciada) ... 08ABR Voltando ao tema do ano passado sem citar certas palavras. B...