sábado, 31 de maio de 2008

Monumento à Santa Geni

(Quando se deseja um final feliz)

(…) Muitas pedras atiradas
se formou um grande monte
mas Geni de forte fronte
nem sequer se remexeu
E o povo embasbacado
foi olhar o ocorrido
perguntaram se morreu
que será que tinha havido?
Numa posição estranha
entranha aberta pro mundo
uma estátua da Geni
tinha ficado aqui
Conta a estrela lá do céu
que a vira vestindo um véu
casando com um guerreiro
Ela com um jeito faceiro
casada com o zepeleiro
noutro mundo foi morar.
Olha a estátua da Geni
Olha a estátua da Geni
Ela é feita pra se orar
Ela quer no redimir
Não teve falsa moral
Bendita Geni.
Evaldo Pedro da Costa Brasil
(Em julho de 1992)

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Poema | C49-094 O Trem da Evolução conduz tudo | Cordel

2008........................................

(A cada escolha se devota na missão para o fraterno)

...
30MAI Mais um poema sob a égide da Doutrina Espírita, a qual abracei gradativamente desde o primeiro contato, por assim dizer em, no final dos anos 90 do século passado.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

terça-feira, 27 de maio de 2008

Poema | C49-093 O Medo à Luz de Jesus | Cordel

2008........................................

(Pode nos dar consciência e ter o bem por natureza)

...
26MAI Mais um poema inspirado em palestra espírita, desta vez, pelo confrade Pedro Paulo da Costa Filho.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

sexta-feira, 23 de maio de 2008

Poema | C49-092 O papel do homem público é servir | Cordel

2008........................................

(Primeiros Discursos)

...
23MAI Reflexão quando da segunda oportunidade de vir a ser candidato nas eleições municipais.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Poema | C49-090 Perspectivas Evolutivas | Cordel

2008........................................

(Estamos todos condenados a seguir no rumo da Luz)

...
21MAI Inspirado por palestra espírita proferida pelo confrade Kéops de Vasconcelos, na SEEE.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

terça-feira, 20 de maio de 2008

Poema | C49-089 Sermos um numa casinha | Cordel

1997........................................

(Dedicado a você mesma)

...
21MAI Uma declaração de amor que podia ter sido mais explícita.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.
2008........................................

(Mas lembro disso tudo que... não queira ser amante)

...
20MAI Outra reescrita, tipo atualização, de escrito dos anos 90, uma declaração de amor não tão explícita como deveria ter sido.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

domingo, 18 de maio de 2008

Poema | C49-086 Será que a gente pensa o que pensa? | Cordel

2008........................................

(1: Abraços, não mais abraço)

...
18MAI Dando nova escrita para a palavra abraço, reivindicando a inexistência do singular.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.
...............................................

(2: "Maginal" é quem muito "magina")

...
19MAI Refletindo em torno das origens e significados das palavras, imaginando outras possibilidades.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

Especial | Viva a Tinta Virtual! (2) | E14*

2008.......................................
...
18MAI *Exercício 14. 
EXERCÍCIO: Evaldo Brasil.

sábado, 17 de maio de 2008

Poema | C49-084 Língua, serpente imortal | Cordel

1997........................................

(Como é bom vi-ver...)

...
01MAI Explorando as palavras, tendo a língua como instrumento de fala e transmissão de idéias e desejos.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil. 
2008........................................

(Como é bom viver de prosa e nem ver passar a vida!)

...
17MAI Continuando o exercício de reescrita de antigos escritos.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa.

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Poema | C49-083 O Rosário do Povo Criacionista (VIII) | Cordel

2008.......................................

(Dos animais que se juntam ao nosso nome II)

...
16MAI Segundo pacote dedicado aos animais que grudam aos nossos nomes. 
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Poema | C49-082 Já cinto o cheiro de Jacinta | Cordel

2008........................................

(Mas se ele for por mim, se banhará em seu perfume)

...
14MAI Mais um cordel cumprindo a função de acróstico, em homenagem a uma ex-aluna.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

terça-feira, 13 de maio de 2008

Poema | C49-081 Tudo que é bonito é pra se olhar | Cordel

2008........................................

(E uma donzela faceira, não, nunca se para de olhar)

...
13MAI Mais um dos encantamentos ao se ver diante de uma coisa ou pessoa bela.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Poema | C49-080 De quando a Burocracia fecha as portas até do virtual | Cordel

2008........................................

(Universidade Aberta do Brasil)

...
12MAI A novidade da Educação a Distância me atraiu, mas acabei encontrando muitos obstáculos.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

Poema | C49-078 Muita gente Para, pelo Amor de Deus | Cordel

2008.......................................

(Vale mais o que nos une do que o que nos separa)

...
11MAI Mais uma reflexão em torno do que interessa nas relações humanas, tendo em vista a influência que a Doutrina Espírita vem provocando em mim.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

domingo, 11 de maio de 2008

Poema | C49-079 O Amor de Mãe | Cordel

2008........................................
...
11MAI Outra palestra, outro poema. Desta vez, inspirado em Zanelis Brito, por sua fala na SEEE, durante a palestra pública dominical.
TEXTO&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

...
...
31MAI Ilustração que me server de exemplo.
FONTE:http://www.jonnysize.com.br/website/blog/index.php/eu-sou-bom-sawabona-shikoba/

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Poema | C49-077 A pós-modernidade e a religião | Cordel

2008........................................

(Mais uma oportunidade de vencer atrasos meus)

...
05MAI Depois de palestra dominical na SEEE, mais um poema, desta vez inspirado pelo confrade Emauel Iordan Alves Carneiro, palestrante da noite.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

domingo, 4 de maio de 2008

Poema | C49-076 Versos, Versões e Perversões | Cordel

2008........................................

(É que a indústria aposta na overdose em quem gosta)

...
04MAI Colecionador de versões das músicas que gosto, fazedor de versos, aproveito algumas músicas pra comparar, já pensando em continuar essa reflexão em outro poema.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.
................................................

(É que a indústria aposta na overdose em quem gosta)

...
22MAI Segunda reflexão versificada sobre a indústria da música.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

sábado, 3 de maio de 2008

Poema | C49-075 Bia Cheirosa, cheirosa Bia | Cordel

2008........................................

(Acróstico para Beatriz Bia Batista Vieira Cheirosa)

...
03MAI Um cordel homenageia uma menina que, curiosa, me lançou em desafio. Não é acróstico no sentido estrito da palavra, mas cumpre o mesmo papel.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

quinta-feira, 1 de maio de 2008

Poema | C49-073 O Rosário do Povo Criacionista (VII) | Cordel

2008........................................

(Das personagens que colam em nossos nomes II)

...
01MAI Segundo pacote dedicado, a princípio, aos personagens que grudam em nossos nomes.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

Poema | C49-074 Viva a Felis, a Feira Livre do Saber | Cordel

2008........................................

(A feira de ciências da EEEFIJ)

...
01MAI No retorno do semestre letivo, a feira de ciências do Irineu Joffily ganhou nome, o que pude registras nesse cordel.
AUTOR&TRATO: Evaldo Pedro da Costa Brasil.

Poema | Para Dizer Adeus | EVEV*

2021......................................... ... 04DEZ *Egberto Vital por Egberto Vital, em um poema de despedida. FONTE: Egberto Vital, vi...